Desmascarando seu inconsciente.

Por trás de seus pensamentos, existe muitas verdades nas quais você ainda não se deu conta. - Thiago Urameshi

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Contradições épicas da Bíblia - Post 7 "Quem foi pai de Zacarias?"


Clique na imagem para ampliar.
Hipocrisia Off 
 Autor: Thiago Urameshi
"Religião não define caráter"
Obrigado pela visita e volte sempre.

1 comentários:

Muitos apontam estes textos para tentarem "provar" uma "contradição" da Bíblia.
Absolutamente não é !!!!!!!!!
Quase que com certeza Zacarias era mesmo filho de Jeoiada, o nome pelo qual o pai de Zacarias era mais conhecido.
Por que ?
Após a morte de Jeoiada, o Rei Jeoás desviou-se da adoração verdadeira, dando ouvidos a conselhos errados, em vez de aos profetas de Jeová.
Zacarias, primo de Jeoás (2ª Crônicas 22:11), advertiu severamente o povo sobre isso, mas, em vez de este se arrepender, apedrejou-o no pátio do templo. As palavras de Zacarias ao morrer foram: “Que Jeová o veja e o exija de volta.”
A Septuaginta grega e a Vulgata latina dizem que Jeoás foi morto para vingar o sangue do “filho” de Jeoiada. O texto massorético e a Pesito siríaca, porém, rezam “filhos”, possivelmente usando o plural para indicar a excelência e o mérito do filho de Jeoiada, Zacarias, profeta-sacerdote. —2ª Crônicas 24:17-22, 25.
Zacarias, filho de Jeoiada, bem provavelmente é aquele a quem Jesus se referiu ao profetizar que “o sangue de todos os profetas, derramado desde a fundação do mundo”, seria exigido “desta geração [os judeus do tempo do ministério terrestre de Jesus], desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e a casa”. (Lucas 11:50, 51) Os lugares mencionados como o local do assassinato correspondem a isso.
No primeiro século EC, Crônicas era o último livro do cânon das Escrituras Hebraicas.
De modo que a frase de Jesus, ‘desde Abel até Zacarias’, era similar à expressão: “Desde Gênesis até Apocalipse.”

Por que, no relato paralelo em Mateus 23:35, Zacarias é chamado de filho de Baraquias ????
Possivelmente outro nome de Jeoiada, a menos que, por acaso, indique uma geração existente entre Jeoiada e Zacarias, ou se trate do nome de um antepassado anterior.
Ao passo que Mateus trata Baraquias como Pai do Zacarias que foi assassinado “entre o santuário e o altar”; Lucas fala sobre o mesmo, porem omitindo o nome Baraquias — Mateus 23:35; Lucas 11:50, 51.

É interessante saber que a palavra Baraquias foi omitida do relato de Mateus no Códice Sinaítico (escriba original).
Assim, muitos eruditos e críticos da Bíblia sugerem que àquele Jeoiada mencionado em Mateus fosse pai dum Zacarias que foi assassinado, tendo dois nomes, o que não é incomum na Bíblia.
Veja por exemplo outros personagens bíblicos com dois nomes — Compare Mateus 9:9 com Marcos 2:14; Mateus 10:2, 3.

Um argumento muito forte para entendermos que Baraquias e Jeoiada eram a mesma pessoa, deduz-se de 2ª Crônicas 24:21 mencionar que Zacarias foi assassinado “no pátio da casa de Jeová”. O altar de ofertas queimadas estava no pátio interior, do lado de fora e diante da entrada do santuário. Isto corresponderia à localização, feita por Jesus, desse incidente como “entre o santuário e o altar”.
Nos casos tanto de Abel como de Zacarias, predisse-se uma prestação de contas pelo derramamento de seu sangue. (Gênesis 4:10; 2ª Cronicas 24:22) Também, existe um forte paralelo entre as circunstâncias e os eventos dos dias de Zacarias, filho de Jeoiada, e os da geração que vivia quando Jesus falou essas palavras. Quando Zacarias estava à morte, ele disse: “Que Jeová o veja e o exija de volta.” Pouco depois, suas palavras proféticas começaram a cumprir-se. Uma pequena força militar síria subiu, e Jeová entregou uma grande força militar de Judá nas mãos dela, os príncipes de Judá sendo grandemente arruinados e despojados. Os sírios executaram atos de julgamento em Jeoás e o deixaram com muitas enfermidades, após o que foi assassinado por seus próprios servos. (2ª Crônicas 24:23-25) Depois de descrever a culpa de sangue daqueles a quem falava, Jesus disse: “Todas essas coisas virão sobre esta geração.” (Mateus 23:36) A profecia de Jesus se cumpriu em Jerusalém e na Judéia em 70-73 EC.

Assim, longe de ser uma contradição, a evidencia Bíblica aponta para a mesma pessoa que era conhecido por dois nomes.

Postar um comentário

Leia antes de comentar

Os comentários serão moderados e liberados após a constatação de que estão de acordo com a regras do Blog (vide a aba 'regras' no topo da página).

Um debate racional é sempre bem vindo, por tanto se deseja criticar algo, faça com que sua critica tenha fundamentos, qualquer trollagem detectada não será aceita.

Todas as perguntas ou debates feitos aqui na caixa de comentários serão respondidos por mim, por tanto não deixe de voltar pra conferir a resposta ou réplica de seu comentário. Tento responder todos em no máximo 24hrs.

Para dúvidas, críticas, elogios ou sugestões visite nossa página de contato (última aba no topo do blog) e mande-nos um recado que eu retornarei assim que possível.