Desmascarando seu inconsciente.

Por trás de seus pensamentos, existe muitas verdades nas quais você ainda não se deu conta. - Thiago Urameshi

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Você sabe quantos deuses têm a história parecida com a de Jesus?


 As semelhanças dogmáticas com as religiões de mistério provariam que o cristianismo não é o resultado de uma revelação divina, mas o produto de um sincretismo religioso.


A teoria do "Mito de Cristo" afirma que houve grande influência das religiões dos povos com as quais os judeus conviviam, ou seja, egípcios, persas, gregos e romanos.


  • Tamuz:
Deus da Suméria e Fenícia, morreu com uma chaga no flanco e, três dias depois, levantou-se do túmulo e o deixou vazio com a pedra que o fechava a um lado. Belém era o centro do culto a Tamuz.
  • Hórus - 3000 a.C.:

Deus egípcio do Céu, do Sol e da Lua;
Nasceu de Isis, de forma milagrosa, sem envolvimento sexual;
Seu nascimento é comemorado em 25 de dezembro;
Ressuscitou um homem de nome EL-AZAR-US;
Um de seus títulos é "Krst" ou "Karast";
Lutou durante 40 dias no deserto contra as tentações de Set (divindade comparada a Satã);
Batizado com água por Anup;
Representado por uma cruz;
A trindade Atom (o pai), Hórus (o filho) e Rá (comparado ao Espírito Santo).

  • Mitra - séc. I a.C.:

Originalmente um deus persa, mas foi adotado pelos romanos e convertido em deus Sol;
Intermediário entre Ormuzd (Deus-Pai) e o homem;
Seu nascimento é comemorado em 25 de dezembro;
Nasceu de forma milagrosa, sem envolvimento sexual;
Pastores vieram adorá-lo, com presentes como ouro e incenso;
Viria livrar o mundo do seu irmão maligno, Ariman;
Era considerado um professor e um grande mestre viajante;
Era identificado com o leão e o cordeiro;
Seu dia sagrado era domingo ("Sunday"), "Dia do Sol", centenas de anos antes de Cristo;
Tinha sua festa no período que se tornou mais tarde a Páscoa cristã;
Teve doze companheiros ou discípulos;
Executava milagres;
Foi enterrado em um túmulo e após três dias levantou-se outra vez;
Sua ressurreição era comemorada cada ano.

  • Átis (Frígia / Roma) - 1200 a.C.:
Nasceu dia 25 de dezembro;
Nasceu de uma virgem;
Foi crucificado, morreu e foi enterrado;
Ressuscitou no terceiro dia.

  • Buda - séc. V a.C.:


Sua missão de salvador do mundo foi profetizada quando ele ainda era um bebê;
Por volta dos 30 anos inicia sua vida espiritual;
Foi impiedosamente tentado pelas forças do mal enquanto jejuava;
Caminhou sobre as águas (Anguttara Nikaya 3:60);
Ensinava por meio de parábolas, inclusive uma sobre um "filho pródigo";
A partir de um pão alimentou 500 discípulos, e ainda sobrou (Jataka);
Transfigurou-se em frente aos discípulos, com luz saindo de seu corpo;
Após sua morte, ressuscitou (apenas na tradição chinesa).

  • Baco / Dionísio - séc. II a.C.:

Deus grego-romano do vinho;
Nascido da virgem Sémele (que foi fecundada por Zeus);
Quando criança, quiseram matá-lo;
Fez milagres, como a transformação da água em vinho e a multiplicação dos peixes;
Após a morte, ressuscitou;
Era chamado de "Filho pródigo" de Zeus.

  • Hércules - séc. II a.C.:


Nascido da virgem Alcmena, que foi fecundada por Zeus;
Seu nascimento é comemorado em 25 de dezembro;
Foi impiedosamente tentado pelas forças do mal (Hera, a ciumenta esposa de Zeus);
A causadora de sua morte (sua esposa) se arrepende e se mata enforcada.
Estão presentes no momento de sua morte sua mãe e seu discípulo mais amado (Hylas);
Sua morte é acompanhada por um terremoto e um eclipse do Sol;
Após sua morte, ressuscitou, ascendendo aos céus.

  • Krishna - 3228 a.C.:


Trata-se de um avatar do Deus Vishnu – um avatar é como se fosse a personificação ou encarnação de um deus;
Nasceu no dia 25 de dezembro;
Nasceu de uma virgem, Devaki ("Divina");
Uma estrela avisou a sua chegada;
É a segunda pessoa da trindade;
Foi perseguido por um tirano que requisitou o massacre dos milhares dos infantes;
Fez milagres;
Em algumas tradições morreu em uma árvore;
Após morrer, ressuscitou.


Estas coincidências biográficas, segundo os defensores de "O Mito de Cristo", provam que os autores dos Evangelhos, ao escreverem as histórias de vida de Jesus, tomaram emprestados relatos e feitos de outros deuses antigos ou heróis.

Religiosos se defendem argumentando que estes outros deuses foram criações do satanás para manipulou toda falsa adoração de modo a banalizar o nascimento de Jesus.


Hipocrisia Off 
 Autor: Thiago Urameshi
"Religião não define caráter"
Obrigado pela visita e volte sempre.

14 comentários:

Olá Thiago

Existe como comprovar realmente a procedência das informações acima? Gostaria muito de usar esses argumentos para convencer outras pessoas que o cristianismo nada mais é do que a compilação de outras histórias. Meu medo é usar os argumentos acima e depois vir alguém e falar que todas estas histórias destes deuses são balela...

obrigado
ótimo blog!

Reszko - Olá! Tudo bem?
Sua resposta é simples, basta pesquisar.

Diversas fontes confirmam estes dados acima.

Vlw pela visita amigo, abração!

Puts cara, acabei de descobrir que Deuses existem de verdade! Qual a prova? Simples e incontestavel! A ignorancia de certos religiosos é tanta que so pode ter vinda de uma divindade! Kkkkkkkkkkkkkkk

Mas agora voltando ao assunto, realmente é muito parecido pra ser mais que uma mera coincidencia, oq acho incrivel é os religiosos fanaticos nunca terem um argumento racional, sempre é "obra de Satan".

Mas se os religiosos tiverem um argumento RACIONAL pra seguir o cristianismo, participem do desafio do Junior:

http://www.youtube.com/watch?v=geP6BQd-N_k&feature=channel_video_title

Someone - "Puts cara, acabei de descobrir que Deuses existem de verdade! Qual a prova? Simples e incontestavel! A ignorancia de certos religiosos é tanta que so pode ter vinda de uma divindade! Kkkkkkkkkkkkkkk"

haha... acho que essa foi a melhor teoria que já ouvi a favor da existencia de um Deus kkkk

Isso aí, quem achar que pode, mande o argumento pro desafio.

Abraço Someone, vlw pela visita!

Verifique suas fontes historiográficas, falar de mitologia é muito mais complicado do que parece, procure estudar história antes de sair divulgando informações que não são reais.

Ana - Minha fontes já estão muito bem verificadas, mas se você achar que eu estou enganado, poste aqui as suas fontes e vamos ver qual é a mais confiável.

Uai... mas a fonte da Ana é mto confiável... um livro de conto de fadas de cerca de 1600 anos contando a vida de um cara q (se é q existiu) morreu séculos antes desse livro ser escrito.
Ana... tô contigo truta... é nóis,G-zus, ursinho puff, turma da Mônica e todos os personagens já publicados q sofrem de bullyng existencial!

thiago isso é incontestavel. é totalmente veridico, o proprio trabalho de teologia divulga alguns absurdos.vamos da para acrescentar muito mais a esse trabalho. divulgue o trabalho de traduçao real dos teologos sobre as escritas hebraicas de genesis e uma suposta Deusa.

Olá amigo,
Desculpe minha ignorância, mas eu desconheço essa história da suposta Deusa em Genesis, você poderia me explicar melhor? Eu ficaria agradecido... pois meu opbjetivo com esse blog é sempre estar aprendendo...

Vlw, abraço.

Alguns eu ja conhecia mas a maioria é novidade,e pro pessoal q desconfia da veracidade, é facil, existe um DEUS q responde a todas as perguntas, orem para ele q ele os guiara.

Orem para o deus google em www.google.com
q a verdade vira a tona

Chaos

kkk muito bom...
Se existe um Deus, ele se chama Google!

Olha Thiago, se a sua pesquisa se baseia em "google" metade da sua credibilidade ja foi perdida; mas o problema não é voce escrever, é justamente o grande "povão" não questionar. Mas fazer o que... Quem não sabe onde está, não sabe pra onde ir.

Com relação a similaridade, era contextual a tudo aquilo que Jesus viveu e pregou, a princípio conveniente para o seu tempo, mas acreditar na sua divindade e algo pessoal. Nos relatos bíblicos(só nos relatos bíblicos do novo testamento) ele apareceu somente para aqueles que criam, e não para todos(Imagine Jesus batendo na porta de Pilatos no domingo de manhã rsrs!),
e ate entre eles houve quem duvidasse e não reconhecesse...
Nenhum historiador nega a existencia de Cristo; agora sua divindade e uma questão de fé, nem cabe aqui discuti-la aqui pois é apenas fé, e algo pessoal.
Mais uma vez PARABÉNS PELO SITE!!! Ele aguça nossa vontade de aprender, da melhor maneira, questionando!!!

É realmente difícil construir opinião pelo que se diz na internet, mas a gente tenta, afinal de contas, a gente não está mais na idade média...ABS

Edmilson Lanes(edmilsonlanes@gmail.com)

Thiago, a suposta deusa em questão não está Genesis, que é parte do Torá(códice de leis judaicas composto pelo Genesis, Exodo, Levítico, Numeros e Deuteronomio)e sim no Talmude, que é uma coleção de comentarios de Rabinos sobre a Torá; trata-se de Lilith, um demonio "feminino" presente na mitologia hebraica e muito citado na cabala(uma versão "espiritualizada" da Torá).Na verdade não se sabe ao certo se esta e uma lenda genuinamente judaica, já que ela está presente nos antigos contos babilonicos, e pode ter sido assimilada durante o cativeiro judaico na Babilonia.
Espero ter ajudado.

Edmilson Lanes(edmilsonlanes@gmail.com)

Postar um comentário

Leia antes de comentar

Os comentários serão moderados e liberados após a constatação de que estão de acordo com a regras do Blog (vide a aba 'regras' no topo da página).

Um debate racional é sempre bem vindo, por tanto se deseja criticar algo, faça com que sua critica tenha fundamentos, qualquer trollagem detectada não será aceita.

Todas as perguntas ou debates feitos aqui na caixa de comentários serão respondidos por mim, por tanto não deixe de voltar pra conferir a resposta ou réplica de seu comentário. Tento responder todos em no máximo 24hrs.

Para dúvidas, críticas, elogios ou sugestões visite nossa página de contato (última aba no topo do blog) e mande-nos um recado que eu retornarei assim que possível.